Seguidores

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Luta contra Belo Monte

Por Herivelto Quaresma
texto originalmente publicado na revista Consciência.net

Um movimento com diversos artistas, entre produtores, atores e cineastas, se uniu na luta contra a construção da Usina Hidrelétrica de Belo Monte. Segundo o manifesto, que está pedindo apoio de todos os brasileiros, o objetivo é “evitar mais um desastre ambiental de proporções gigantescas”.
“Pedimos vossa atenção para ouvir os argumentos da população do Xingu, dos ambientalistas, técnicos e cientistas verdadeiramente empenhados em achar soluções para o desenvolvimento sustentável do Brasil”, afirma o documento, endereçado à presidenta Dilma Rousseff e ao presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT/RS).




É a Gota D' Água +10 from Movimento Gota d' Agua on Vimeo.
O manifesto, que já tem entre os seus apoiadores Bruno Mazzeo e Cissa Guimarães, denuncia os “discursos ambientalistas de palanque” do governo federal, pedindo o “avanço na direção de uma discussão verdadeira em prol de políticas alternativas de geração de energia sustentável”, capazes de gerar a “energia necessária ao desenvolvimento do país, sem arruinar um ecossistema dessa magnitude.”

O pedido é pela interrupção imediata das obras de Belo Monte e a abertura de um amplo debate, de modo a convocar os brasileiros a “refletir e a opinar sobre qual modelo de progresso estão dispostos a perseguir, cientes das consequências de suas escolhas.”

O movimento, denominado Gota D’Água, possui um site e perfis nas principais redes sociais: www.movimentogotadagua.com.br

Além dos artistas, a iniciativa conta com a parceria do principal movimento de resistência comunitária, o Xingu Vivo, e do Movimento Humanos Direitos, que possui entre seus membros Camila Pitanga, Chico Diaz, Dira Paes, Letícia Sabatella, Marcos Winter, Osmar Prado e Wagner Moura, entre outros.
Acompanhe um dos vídeos promocionais da campanha pela ampliação do debate sobre a Usina Belo

Monte e o manifesto na íntegra clicando aqui.

A campanha já conta até com o apoio do humorista Paulo Gustavo (@paulogustavo31), que utiliza sua personagem da série “Absurdos” para ironizar a construção da hidrelétrica:

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Diabetes: Cirurgia é alternativa de tratamento para pacientes com sobrepeso



Congresso em Gramado (RS) reuniu especialistas sobre o tema
Na semana em que os olhos do mundo se voltam para o Diabetes, membros da Abeso (Associação Brasileira de Estudo para a Obesidade e Síndrome Metabólica) revelam que procedimentos cirúrgicos para o controle da doença em pacientes com elevado grau de obesidade pode também apresentar bons resultados em indivíduos de IMC inferior a 35. Esse tipo de terapia recebeu consenso favorável de médicos brasileiros no III Congresso Panamericano para Tratamento do Diabetes Melittus Tipo 2, realizado em Gramado (RS) – em total afinidade com as resoluções da International Diabetes Federation (IDF).

Segundo o endocrinologista e membro da Abeso, Alfredo Halpern, há três técnicas disponíveis no Brasil para tal finalidade, afora uma quarta ainda em fase avançada para aprovação (a interposição ileal). Em alguns casos, a medida pode ainda ser aplicável a pacientes com IMC menor que 30. De acordo com o médico os procedimentos mais empregados no controle do diabetes são bypass gástrico, gastrectomia vertical e cirurgia de derivação biliodigestiva.

Dr. Halpern explica que três técnicas (Bypass, derivação biliodigestivo e interposição ileal) baseiam-se na estimulação do hormônio GLP1, responsável pela produção da insulina. O hormônio é gerado no íleo (parte final do intestino delgado) quando este entra em contato com os alimentos. As cirurgias aceleram esse contato, seja pela interposição de parte do íleo para o início do intestino delgado, seja pela passagem do alimento pelo tubo digestivo de maneira mais rápida.

O médico acrescenta que outra terapia, ainda em fase de teste, sem cirurgia, utiliza-se de uma manga (uma espécie de tubo flexível de 60 cm) endoscópica para o controle do diabetes. Por não carecer de cirurgia, esse método apresenta-se muito promissor.

A vice-presidente da Abeso, Dra. Leila Batista Araújo ressalta que “não existe garantia de que a cirurgia vá reverter o diabetes. Deve-se discutir cada caso antes de indicar cirurgia nesta situação – lembrando que aqueles diabéticos obesos de menor duração, que produzem mais insulina, sem outras doenças associadas tem melhor resposta”.

Semana Rosa&Azul passa pelo Galeão e leva informação sobre prevenção do câncer de mama para mais de 250 pessoas


Evento promovido pela Azul em parceria com a Femama e Embraer leva informação e conscientização sobre a doença em nove aeroportos de importantes cidades do País
A segunda edição da Semana Rosa&Azul, evento promovido pela Azul Linhas Aéreas Brasileiras em parceria com a Embraer e a Femama (Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama), passou hoje pelo Aeroporto Tom Jobim - Galeão, no Rio de Janeiro, e levou informação sobre a prevenção do câncer de mama para mais de 100 pessoas. As pessoas receberam folhetos e ouviram depoimentos e orientações das voluntárias da Femama.
O evento, que tem apoio da Infraero, contou ainda com a aparição da aeronave cor de rosa da Azul e da tripulação 100% feminina. A Rosa&Azul, como foi batizada, foi pintada com a cor que representa a luta mundial contra o câncer de mama para simbolizar a parceria da companhia, da Embraer e da Femama para o combate à doença, que mata aproximadamente 30 mulheres por dia no Brasil.
As ações acontecem de 21 a 25 de novembro em aeroportos de nove cidades: Goiânia, Porto Alegre, Belo Horizonte (Confins), Rio de Janeiro, Curitiba, Maringá, Campinas, Palmas e Florianópolis.
Para receber fotos da aeronave, mande um email para imprensa@voeazul.com.br
Números da Doença
O INCA – Instituto Nacional de Câncer estima que este ano cerca de 50 mil mulheres vão ter câncer de mama no país, sendo que o Rio de Janeiro é o estado brasileiro com o maior número de casos da doença, seguido pelo Rio Grande do Sul e São Paulo. Conforme informações da ONG americana Susan G. Komen for the Cure, a cada 24 segundos é diagnosticado um caso de câncer de mama no mundo. A cada 68 segundos, uma mulher morre devido a esta doença.

Segundo a estimativa do INCA, a incidência do câncer de mama em 2011, nas cidades em que vai passar o Road Show da Azul, deve ser a seguinte:
- Goiânia (GO): 360 novos casos da doença/ano;
- Porto Alegre (RS): 1.040 novos casos da doença/ano;
- Belo Horizonte (MG): 950 novos casos da doença/ano;
- Rio de Janeiro (RJ): 4.010 novos casos da doença/ano;
- Curitiba (PR): 730 novos casos da doença/ano;
- Maringá (PR): * INCA não possui esse dado específico (Paraná: 2.990 novos casos da doença/ano);
- Campinas (SP): INCA não possui esse dado específico (O Estado de São Paulo tem 15.080 novos casos da doença/ano e a Capital paulista 5.760 casos);
- Palmas (TO): INCA não possui esse dado específico (Tocantins possui 120 novos casos da doença/ano);
- Florianópolis (SC): 130 novos casos da doença/ano.

Sobre a Azul
Com quase três anos de operações, a Azul Linhas Aéreas Brasileiras conecta 40 destinos - 39 cidades, com 300 vôos diários. Somando-se às oito linhas de ônibus, são 45 cidades brasileiras conectadas pela companhia. A Azul já ultrapassou a marca de mais 12 milhões de clientes transportados desde sua fundação. Atualmente opera uma frota de 33 jatos modelo 190 e 195 da Embraer e 8 ATR 72-200 e 1 ATR 72-600. O papel da empresa é estimular o tráfego aéreo e dinamizar a economia brasileira por meio de uma equação tão simples de entender quanto difícil de imitar: preços baixos com alta qualidade de serviços.

Sobre a FEMAMA
É uma associação civil, sem fins lucrativos, que busca reduzir os índices de mortalidade por câncer de mama no Brasil. Está presente em 16 estados brasileiros e no Distrito Federal, por meio de 53 entidades associadas, atuando na articulação de uma agenda nacional única para influenciar a formulação de políticas públicas de atenção à saúde da mama.

Sobre Embraer
A Embraer S.A. (NYSE: ERJ; BM&FBOVESPA: EMBR3) é uma empresa líder na fabricação de jatos comerciais de até 120 assentos e uma das maiores exportadoras brasileiras. Com sede em São José dos Campos, no Estado de São Paulo, mantém escritórios, instalações industriais e oficinas de serviços ao cliente no Brasil, China, Estados Unidos, França, Portugal e Singapura. Fundada em 1969, a Embraer projeta, desenvolve, fabrica e vende aeronaves e sistemas para os segmentos de aviação comercial, aviação executiva e defesa e segurança. A Empresa também fornece suporte e serviços de pós-vendas a clientes em todo o mundo. Em 30 de setembro de 2011, a Embraer contava com 17.204 empregados – número que não inclui funcionários das subsidiárias não-integrais – e possuía uma carteira de pedidos firmes a entregar de USD 16 bilhões.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...