terça-feira, 5 de julho de 2016

Vivendo sem Gluten, sem Lactose e sem Soja.

Há alguns anos, não muitos, vendo uma reportagem na TV sobre Glúten eu percebi que tinha vários dos sintomas descritos.

Resolvi então fazer uma experiência e não deu outra, pois retirei o Glúten da alimentação e diversos dos sintomas que eu tinha desapareceram por completo.

Hoje não consumo Glúten, nem Soja nem Lactose. Desses três alimentos da Lactose é que eu tenho a menor reação, mas tenho problemas quando consumo. Já a Soja é o alimento do qual eu tenho a intolerância mais severa. Demorei para descobrir mas percebo que quando consumo sinto um sintoma similar a laririntite. Mas basta retirar a soja que o sintoma desaparece.

Além de não consumir esses três alimentos, também sou vegetariano e muito acharão que não sobra muita coisa para eu me alimentar. Mas não é verdade, consumo uma boa quantidade de alimentos e hoje não sinto falta de tudo que tirei da minha alimentação. Mas logicamente quando estou fora de casa encontro alguma dificuldade para me alimentar.

Como como na rua é comum comer comida com óleo de soja, e quando ocorre acabo tendo algum mau estar. A solução é tomar um antialérgico, que além da homeopatia é o único remédio alopático que tomo.

Destaco a seguir um excelente artigo sobre intolerância a Gluten



Fonte: MBG

10 sinais para ver se você é intolerante ao glúten

Há mais de 55 doenças associadas ao glúten, a proteína encontrada no trigo, centeio e cevada. Estima-se que 99% das pessoas que têm ou intolerância ao glúten ou doença celíaca não são diagnosticados.
Estima-se também que, tanto quanto 15% da população dos EUA é intolerante ao glúten. Você poderia ser um deles?
Se você tiver qualquer um dos seguintes sintomas pode ser um sinal de que você tem intolerância ao glúten:
1. problemas digestivos, tais como gases, flatulência, diarréia e até mesmo prisão de ventre. Eu vejo a constipação particularmente em crianças após a ingestão de glúten.
2. Queratose pilar , (também conhecido como "pele de galinha" na parte traseira de seus braços). Isto tende ser como um resultado de uma deficiência de ácido gordo e de vitamina A deficiência secundária de má absorção de gordura causada pelo glúten danificar o intestino.
3. Fadiga, confusão mental ou sentindo cansado depois de comer uma refeição que contenha glúten.
4. Diagnóstico de uma doença auto-imune, tais como tiroidite de Hashimoto, artrite reumatóide, colite ulcerativa, lúpus, psoríase, esclerodermia ou esclerose múltipla.
5. Os sintomas neurológicos como tonturas ou sensação de estar fora de equilíbrio.
6. desequilíbrios hormonais, tais como PMS, SOP ou infertilidade inexplicada.
7. As enxaquecas .
8. O diagnóstico de fadiga crónica ou fibromialgia. Estes diagnósticos simplesmente indicar que o seu médico convencional não consegue fixar o motivo da causa de seu cansaço ou dor.
9. inflamação, inchaço ou dor nas articulações, como dedos, joelhos ou quadris.
10. problemas de humor, como ansiedade, depressão, alterações de humor.
Como testar a intolerância ao glúten?
A melhor maneira de determinar se você tem um problema com glúten é fazer uma dieta de eliminação e retirar de sua dieta por pelo menos 2 a 3 semanas e depois reintroduzi-lo. Por favor, note que o glúten é uma proteína muito grande e pode levar meses e até anos para limpar a partir eliminar de seu organismo por completo.
O melhor conselho que eu compartilho com meus pacientes é que, se eles se sentem significativamente melhor sem glúten ou sentem-se pior quando ele e reintroduzido, o glúten é muito provavelmente  um problema para eles. A fim de obter resultados precisos você deve eliminar 100% do glúten de sua dieta.
Como tratar a intolerância ao glúten?
Eliminar o glúten 100% de sua dieta significa 100%. Mesmo pequenas quantidades de glúten de contaminação cruzada ou medicamentos ou suplementos pode ser suficiente para causar uma reação imunológica em seu corpo.
A regra 80/20 ou "não comer em nossa casa, comer apenas quando for comer fora" é um equívoco completo. Um artigo publicado em 2001, afirma que para aqueles com doença celíaca ou sensibilidade ao glúten comer glúten apenas uma vez por mês aumentou o risco relativo de morte em 600%. 


Oportunamente postarei a respeito da Soja e da Lactose. A soja efetivamente não é um bom alimento não só para pessoas que tem intolerância a ela, como para todas as pessoas. A única soja aceitável para ser consumida é a soja fermentada. Vegetarianos que costumam comer soja devem rever seus costumes pois poderão ter problemas.



Palestras e Treinamentos com o Palestrante e Consultor Ari Lopes

  • Palestra Ética Empresarial
  • Palestra para Vendas e Marketing
  • Gestão e Liderança com Ética
  • Capacitação de Analistas Financeiros e de Negócios
  • Melhores Práticas em Vendas
  • Preparando líderes
  • Desenvolvendo Estratégias com SWOT Analysis
  • Organizações de Alta Performance
  • Gestão em tempos de crise
  • Controladoria de Negócios




Ariovaldo Lopes da Silva – Mestre em Ciências Contábeis, Economista, Professor universitário por 20 anos e executivo de empresas por 40 anos, sendo último cargos ocupados com carteira assinada de Controller para America Latina na Henkel e Diretor Financeiro na Mauser. Atualmente é Palestrante, Consultor e Empresário. Possui mais de 200 artigos sobre Controladoria, Finanças e Gestão de Empresas.  arilopes@folha.com.br