domingo, 23 de agosto de 2009

MEDICINA PREVENTIVA É O SEGREDO PARA RETARDAR O ENVELHECIMENTO

Já foi o tempo que consultar um geriatra era somente para os idosos. A partir dos 30 anos já é possível fazer um acompanhamento com exames para identificar se a pessoa está carente de vitaminas ou se está acelerando o envelhecimento.

A má qualidade de vida (estresse, sedentarismo, alimentação errada, poluição) leva o jovem a adquirir doenças muito precocemente, como obesidade, colesterol acima do normal, diabetes, pressão alta, cardiopatias, entre tantas outras.
A geriatria preventiva trata o paciente como um todo. Checa sua saúde física e mental, verifica a condição da pele, os hábitos alimentares, indica formas de relaxamento, exercícios, trata o paciente com medicina complementar, como ortomolecular e acupuntura, por exemplo, e adota a medicina estética.

Manter-se jovem, tanto fisicamente quanto mentalmente, é sem dúvida um dos principais motivadores de cirurgias plásticas e dietas milagrosas, mas segundo a médica endocrinologista e geriatra Dra. Maria do Carmo Sobral Lins "Uma aparência jovial é conquistada com muito esforço, exercícios diários e alimentação saudável. Quem faz uma alimentação variada e equilibrada está no caminho certo. É bom lembrar que as substâncias benéficas para o organismo são encontradas em supermercados e feiras livres e não na farmácia", explica.

O tratamento preventivo prescreve vitaminas e mudanças nos hábitos alimentares desenvolvendo cardápios mais ricos com a finalidade de suprir as necessidades orgânicas buscando proteger assim o coração, o cérebro, a memória e os ossos, entre outros. "Problemas relacionados à memória podem ser evitados quando a dieta é rica em ácidos graxos Omega 3 (peixes, com o salmão) e ferro. Já os ricos em ácido fólico (feijão, espinafre, brócolis) ajudam a prevenir doenças cardíacas", comenta a médica.

Neste tipo de acompanhamento, a preocupação com o aspecto da pele e seu envelhecimento também é muito frequente. "O tratamento auxilia na regeneração dos tecidos, indicando nutrientes que atuam como antioxidantes (betacaroteno, selênico, vitamina E e C) que protegem as células, mas é preciso cuidados básicos como usar filtro solar diariamente, sabonetes e cremes específicos para cada tipo de pele", esclarece.