terça-feira, 27 de abril de 2010

USP QUER ACABAR COM PATINHAS ONLINE

Amigos, um trabalho excepcional de ajuda aos animais desenvolvido por Patinhas On line está sendo ameaçado, isso por pura falta de sensibilidade da coordenadoria da USP. Leiam a mensagem recebida abaixo, é um pouco longa mas vale a pena ler com atenção. Vejam também o link desse tópico na REDEBICHOS



Infelizmente, temos uma notícia muito ruim para dar a todos que nos ajudam a tornar a vida dos peludos um pouco melhor. Como alguns sabem, o
abrigo que ajudamos fica em local pertencente à USP. Para esclarecer como tudo
isso começou, temos que voltar um pouquinho no tempo. Em 2001 foi criado pela
USP um projeto para tentar solucionar o problema do crescente abandono de
animais no campus. Os detalhes do projeto podem ser visualizados no seguinte
site: http://www.usp.br/convive/

Criou-se então um abrigo para recolher os cães que viviam soltos no campus, com o
objetivo de encaminha-los para adoção (depois de castrados, vermifugados e
vacinados). Alguns anos depois da criação do projeto, através de uma lista de
discussão sobre direitos dos animais, ficamos sabendo da situação do abrigo da
USP. Os cães precisavam de ajuda e, infelizmente, o projeto USP Convive ainda
não conseguia trabalhar com uma capacidade adequada para atender as necessidades
dos cães abandonados na USP. Agendamos então, entre os participantes da lista,
um mutirão no abrigo, onde constatamos uma realidade dura para os cães e para a
Beth, voluntária responsável pelos cuidados diários com os
animais.

Cientes de que a responsabilidade para se manter tantos cães era impraticável para apenas uma pessoa, criamos o Patinhas Online e começamos a
trabalhar com os voluntários. A ajuda aos poucos começou a aparecer, através de
apadrinhamentos e compra de produtos e com esse dinheiro os primeiros animais
foram preparados para adoção. Começamos a divulgar os peludos através de nosso
site, realizamos nossas primeiras feiras de adoção e mutirões e aos poucos
começamos a ampliar o trabalho, com mutirões de castração em comunidades
carentes e trabalhos de conscientização da sociedade. Hoje temos mais de 1600
voluntários cadastrados. Esterilizamos cerca de 900 animais em comunidades
carentes somente de 2007 até hoje. Doamos mais de 300 animais (sem contar os que
foram doados antes da nossa participação).

Agora o problema: hoje, ao chegar ao abrigo, a responsável pelos cães (Beth) foi surpreendida por um banner
informando a “desativação” do abrigo. Assim, sem mais nem menos, sem aviso e sem
sequer nos informar se há algum projeto para um novo abrigo ou algo assim. Não
sabemos o que vai acontecer, não temos idéia do que pretendem fazer com os cães.


Por esse motivo enviamos este e-mail: precisamos de ajuda. De toda ajuda possível. Se pudéssemos neste momento encaminhar os 110 cães que lá estão para
adoção, ótimo, o problema estaria resolvido. Mas não temos como fazer isso e
novos abandonos certamente ocorreriam no campus, então precisamos nos mobilizar
para que o abrigo não seja desativado.

De início, precisamos das seguintes iniciativas:
- caso alguém tenha contato com pessoas que trabalhem na imprensa, que nos passe esse contato ou que peça para a pessoa nos procurar
para explicarmos toda a situação.
- precisamos bombardear o e-mail da reitoria da USP. Pedimos que não sejam agressivos nestes e-mails, queremos
apenas que o reitor tome conhecimento do impacto da desativação do canil. Por
favor, nos copiem nos e-mails, para que tenhamos noção da mobilização (e
consequentemente, possamos pressionar também).

Modelo de e-mail (pode e deve ser alterado para os termos que julgarem convenientes, para que não
escrevamos todos o mesmo texto decorado):

Destinatários: gr@usp.br, ouvidor@usp.br, patinhasonline@gmail.com

Título do e-mail:
Desativação do canil
Vossa Magnificência Prof. Dr. João Grandino Rosas
Tomei ciência da desativação do canil da USP através de uma placa afixada na Coordenadoria do Campus e venho
através deste e-mail manifestar minha apreensão com tal desativação. Trata-se
de um projeto bem sucedido, que com a gestão do USP Convive, o apoio dos
voluntários do Patinhas Online e o endosso da USP, já conseguiu resolver o
problema de mais de dois mil de cães abandonados no campus ao longo dos anos,
além dos projetos de conscientização e campanhas educativas de posse
responsável. A extinção do projeto traria inúmeras consequências desagradáveis
para a comunidade uspiana e para a sociedade como um todo, como o aumento no
número de cães soltos pelas ruas, a transmissão de doenças tanto para outros
animais, quanto para pessoas, e, principalmente, uma mancha na reputação dessa
conceituada Instituição. Fora isso, gostaria de saber o que será feito com os
cães que vivem lá. Peço que tal decisão seja revista em benefício não apenas dos
animais, como também da sociedade.

Provavelmente teremos que fazer algum tipo de manifestação pacífica (passeata) para pressionarmos contra
tal atitude absurda. Queremos ser recebidos e ouvidos, coisa que já tentamos por
vários meios, sem sucesso. Manteremos todos informados sobre essa possível
manifestação, mas precisamos que todos aqueles que possam de alguma forma se
afastar de seus afazeres por algumas horas durante o dia, que estejam conosco
quando isso ocorrer. Mobilização de meia dúzia de pessoas não resolve, temos que
mostrar nossa força. A possível data para a manifestação está sendo estudada,
tudo dependerá dos acontecimentos de amanhã.

Outras instituições de ajuda aos animais estão sendo acionadas para nos apoiar, entretanto contamos
essencialmente com vocês, que conhecem os peludinhos, que já ganharam uma
lambida de algum deles, que já viram a alegria desses animais com o pouco que
podemos fazer por eles, como um rápido passeio ou mesmo um banho frio! Pensem em
cada um deles antes de qualquer coisa. Pensem se realmente é impossível perder
uma tarde de serviço para ajuda-los. Eles certamente fariam qualquer coisa por
vocês.

Um abraço e muito obrigada,


Equipe Patinhas Online
www.patinhasonline.com.br